Segunda-feira, 4 de Setembro de 2006

...

Os medicamentos naturais e homeopáticos podem fazer maravilhas em muitas circunstâncias, mas nunca devemos tomar nada sem avisarmos antes o nosso médico, pois há produtos que interferem de uma forma errada. Fiquei a saber, por exemplo, que não se deve tomar medicamentos que contenham barbatana de tubarão ou pau d’arco, pois alteram os valores das análises.
publicado por carla às 02:02
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De Teresa a 5 de Setembro de 2006 às 23:18
Carlinha querida, obrigada por estares aqui a escrever, obrigada por me convidares a ler. Só vim aqui mesmo para te dar um grande beijinho e desejar que esta semana te seja o mais suave possível.
Amanhã, já com menos trabalho, lerei tudo o que escreveste com a atenção que merece.
Posso mandar o link à Eunice?
De Carla a 6 de Setembro de 2006 às 02:49
Teresa querida, já que foste a mentora deste projecto, terias que ser a primeira a visitá-lo :) Podes enviar o link à Eunice, claro. Será muito interessante partilharmos as nossas experiências. Beijo enorme e obrigada :)
De (M)Ana a 19 de Outubro de 2006 às 23:53
Vim aqui clandestinamente e por interposta pessoa, mas também porque ouvi falar deste teu cantinho num jantar há já quase 1 mês. Já me tinhas falado das tuas notas sobre os tratamentos e na altura disse-te que achava uma óptima ideia. Hoje li-te com toda a atenção e fiquei sem palavras (apesar de estar aqui a falar imenso). Acompanho a par e passo - na medida do que posso - tudo quanto se passa contigo nesta fase. Para mim é uma fase má que estás a passar e que vais ultrapassar. Não concebo outra variável. Também eu digo para mim que é um bichinho faz de conta, que é um bichinho que vai perecer graças à medicina e à tua enorme vontade de viver e de lutar. És e sempre foste uma inspiração para mim. Agora, admiro-te mais do que nunca, por toda a tua força! Sim, eu sei que há momentos de medo, momentos que já partilhámos em trocas de emails que são verdadeiras cartas com um selo muito especial - o da amizade. Falámos desses momentos, partilhámos receios... Não sei se serei capaz de dizer-te verdadeiramente o que senti quando soube que tinhas esta doença terrível. Mas asseguro-te que tive medo, que me revoltei, que chorei, que fiquei sem reacção, que fiquei em choque. Mas depois, depois... depois pensei que precisavas de mim forte para ti, por ti, por nós. E desde sempre que também dito "já só faltam x tratamentos". Neste momento já percorreste meio caminho e nesse entretanto já recebeste uma boa notícia! E neste momento JÁ SÓ faltam 5 tratamentos.
Falei tanto... e não sei se disse algo com sentido. Apenas te digo que te adoro muito e que és uma papoila forte e resistente e que o teu sorriso é doce e lindo como um chupa-chupa grande e colorido! Um beijo enorme, muito enorme!
De Carla a 21 de Outubro de 2006 às 00:10
(M)Anita, já me deixaste comovida... Obrigada pelas tuas palavras e pelo teu apoio, especialmente quando também precisei de silêncio. Agora deste-me vontade de actualizar este cantinho, pois o que mais desejo é que um dia possa ajudar alguém que tenha as mesmas dúvidas que eu tive. Tenho que dar vida à morte deste bichinho. Um beijo enorme, enorme! :)
De Filipe a 14 de Fevereiro de 2007 às 21:13
estou a passar pelo mesmo, mas o meu pai é que está doente. sou terapeuta de medicina natural, e posso lhe dizer para não ter medo de tomar os produtos naturais. Interferm nas analises de uma forma positiva, não permitindo que os valores analiticos desçam,e eliminam quase na totalidade os efeitos secundários da radio e quimio, podendo então continuar com o tratamento. acrescento ainda à sua lista de produtos naturais o xarope de aloé vera 100% e chá de folha de graviola( este é um pouco dificil de encontrar.) BOA SORTE e que Deus a ajude.
se precisar de alguma informação: phitonatur@sapo.pt
De carla a 25 de Fevereiro de 2007 às 23:34
Obrigada, Filipe. Desejo tudo de bom para o seu pai e que a cura chegue depressa. Um beijo grande.
De Cris274@hotmail.com a 7 de Dezembro de 2007 às 16:56
Boa tarde,Filipe ,
Tive o atrevimento de lhe tentar enviar um mail para o questionar sobre onde poderei encontrar essa folha de graviola .So</a> que o mail veio devolvido.Chamo-me Cristina Gonçalves,tenho 32 anos e eu propria estou a recuperar de cancro da mama.No entanto não é por mim que estou a escrever.A minha mãe pode estar muito doente e apesar de ja conhecer o xarope de aloé e ter um certo receio de lhe o fazer por ela ser diabética e não saber bem até que ponto possa estar a agir mal,não o fiz ainda. Fiquei muito interessada da folha de graviola e contava que me pudesse indicar como e onde a poderei encontrar.Desejo que o seu pai esteja ja em franca recuperação,assim como a Carla e que o pesadelo esteja já para tras das costas e pertença ao passado.Dos fantasmas desse pesadelo vamos tendo tempo para tratar depois,com calma. Abraços para todos vocês. Filipe,responda,por favor. Cristina

Comentar post

.pesquisar

 

.posts recentes

. Para a Teresa, para todos...

. Nicha

. Energias positivas

. Parabéns, Ruizinho!

. TVI domingo à noite

. Junho

. Ser feliz é ter asas e sa...

. Saudade

. Assim vai a vida

. Parabéns, Tilinha!

.arquivos

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

.Gigi

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds